segunda-feira, 28 de janeiro de 2008

A S A E.


O Senhor Primeiro Ministro José Sócrates, saiu ontem em defesa da sua querida A S A E.

Nem podia ser de outra maneira e já era tempo, pois muita da critica que é feita à A S A E é injusta, deveria ser feita ao governo. Que é o mandante e quem dita as Leis.

Os agentes da A S A E limitam-se a fazer cumprir a Lei, é certo que na maior parte dos casos com exagero na forma de actuar talvez para demonstrarem força, também aqui o governo tem a sua quota de culpa por deixar que estes exageros vão acontecendo um pouco por todo o Pais.

Sabe Sr. Primeiro Ministro não me admirou nada o seu apoio, sabe porquê?

Porque isto não é mais do que a continuação da sua politica de encerramento, é tudo para encerrar, “qualquer dia encerra o Pais”.

Serve também para o desvio de atenção do povo, enquanto se fala da A S A E o governo folga as costas, e vai fechando aqui e ali mais uns serviços públicos.

Ó Sr. Primeiro Ministro estou de acordo com sigo quando diz que o P S D não deve comparar a A S A E com a P I D E, sabe porquê?

A P I D E perseguia apenas os traidores ao regime e a A S A E persegue tudo e mais alguma coisa.

Sr. Primeiro Ministro já vai sendo tempo de perder um bocadinho dessa arrogância que o caracteriza, e mandar rever a Lei de forma a não contrariar as directivas Europeias, mas a adaptar-se melhor às tradições portuguesas, e aos vários tipos de comercio.

Era muito bom também que a A S A E em vez de actuar como se estivesse no Texas, tivesse uma acção mais educativa, informativa e tolerante.

A não ser que a sua ideia seja mesmo arrecadar receita sem ter em conta a destruição aos poucos do tradicional, e com o tradicional vão muitas pequenas empresas familiares aumentando assim o desemprego.

Na minha opinião um Pais sem tradições é um pais sem alma.

1 comentário:

STUK disse...

FASCISTA!!!!!!!